Read Time3 Minutes, 3 Seconds

Por mais que não seja óbvio, a matemática sempre esteve em todo lado muito antes de aqui chegarmos. Desde as teias de aranhas e conchas dos caracóis, até as construções de grandes edifícios.

Você já imaginou como seria a sua vida caso você não aprendesse matemática na escola? A matemática não só nos ensina a fazer contas, como também desenvolve o nosso raciocínio lógico, ajudando-nos na hora de realizar decisões rápidas, e previne o caos. Ir ao supermercado, receber um pagamento, ou na hora de comparar as odds e decidir se vale a pena realizar uma certa aposta no jogo da final da Copa Libertadores da América. 

Para todas essas funções, nosso cérebro realiza cálculos instantaneamente, que nem mesmo nos damos conta, provando assim que por mais simples que seja a necessidade, nós precisamos da matemática todos os dias.

A matemática não foi inventada, foi descoberta

É muito fácil identificar a matemática na simetria da natureza. E foi exatamente aí que nós seres humanos descobrimos esta façanha e inventamos os números como forma de representar as medidas e distâncias assimiladas a nossa vida.

Alguns exemplos da presença da matemática na natureza são: o favo de mel, as penas do pavão, as estrelas do mar, as flores de girassol e até mesmo em nosso corpo, como o nosso rosto e o útero feminino. Todos estes citados representam uma simetria natural perfeita e com padrões que muitas vezes se repetem de outra forma em outro ambiente completamente diferente, até mesmo em nosso corpo.

A muitos anos atrás, esta façanha foi descoberta pelos humanos e traduzida a nossa língua através de números e desenhos geométricos, estes que nos ajudaram muito a desenvolver a nossa inteligência para resolver diversas situações em nossa vida.

Cálculos imediatos e raciocínio lógico

No período da escola primária, nossos professores já começaram a introduzir o conhecimento da matemática para as crianças, através de desenhos geométricos e cálculos básicos. Há de ser dito que esta etapa foi muito importante para o aprendizado da matemática básica na linguagem humana, caso esta etapa fosse saltada, haveríamos muito dificuldade em aprender cálculos mais avançados e a desenvolver o raciocínio lógico.

Enquanto vamos crescendo, o nível de matemática que aprendemos na escola vai aumentando, assim como a nossa mente se habitua as equações e também realiza a sua própria evolução espontânea. 

Este treinamento que nos dão desde crianças, são para habituar a nossa mente a resolver situações da vida cotidiana. Nós precisamos da matemática para cozinhar e seguir receitas, assim como aumentar a porção comparando quantidades equivalentes; a balancear suas despesas, de acordo com o salário que você ganha e terminar o mês sem estar com saldo negativo; em suas viagens e compras, facilitando que você possa realizar cálculos de conversão monetária sem muito esforço.

A importância da matemática não para por aqui. É muito importante lembrar que a linguagem dos números é uma língua universal. Independente do país que você vá, se você houver o aprendizado básico da matemática, ninguém poderá te enganar. Apesar de os idiomas variam entre países, os números e regras de cálculos são iguais em todo o mundo.

Close
Secondary Navigation